.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. CEDER OU NÃO CEDER?

. Toxicodependência: o melh...

. hipertensão arterial

. A NOVA RODA DOS ALIMENTOS...

. ALCOOLISMO

. DEPRESSÃO PÓS-PARTO

. SEXO e ESCOLA

. SEGREDOS PARA UMA VIDA SE...

. SEGREDOS PARA UMA VIDA SE...

. CICLO SEXUAL MASCULINO

.arquivos

. Setembro 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

.tags

. todas as tags

.favorito

. Toxicodependência: o melh...

. QUAL A ORIGEM DESTE MILAG...

. O que é a Esclerose Múlt...

blogs SAPO

.subscrever feeds

Quarta-feira, 12 de Maio de 2010

Osteoporose

Osteoporose

A Osteoporose é uma osteopatia generalizada, em relação com uma insuficiente formação conjuntiva do osso.

Nos contínuos processos de reestruturação por que passa o osso normal, verifica-se a produção de substância conjuntiva, onde há a necessidade de compensar a actividade dos osteoclastos, células que têm a função de destruir as velhas estruturas ósseas. Sobre este novo tecido conjuntivo podem depois depositar-se os sais de cálcio para restabelecer a integridade óssea.

Na osteoporose, faltando a substância conjuntiva, os sais de cálcio não se podem depositar, resultando uma deficiência em substância óssea nas diversas estruturas esqueléticas; em casos extremos pode ser causa de fracturas espontâneas.

As causas da osteoporose devem procurar-se numa perturbação endócrina que altera o metabolismo proteico ou numa deficiência primitiva da absorção dos protídeos. O cortisol, por exemplo, aumenta o catabolismo das proteínas e a longo prazo causa osteoporose; pode também ser produzido em excesso na doença de Cushing ou ser ministrado na terapêutica de variadas doenças: nestes casos, costuma-se associar um tratamento com anabolizantes para compensar o seu efeito sobre a matriz conjuntiva.

Com o termo osteoporose senil, designa-se as formas ligadas ao envelhecimento progressivo do organismo, mas sobretudo à produção diminuída de hormonas sexuais, como é habitual na idade avançada (a testosterona é, com efeito, o mais clássico dos anabolizantes).

Também as dietas hipoproteicas, a avitaminose C (escorbuto), o hipertireoidismo, a diabetes mellitus, são causas possíveis de osteoporose, enquanto doenças capazes de provocar alterações metabólicas das proteínas.

Outra variedade de osteoporose é a que se encontra na vizinhança de processos inflamatórios. E, na evolução de fracturas, a osteoporose dos topos ósseos junto da solução de continuidade precede a formação da matriz conjuntiva de reparação (calo fibroso) que evolui para uma estrutura próxima da do osso (calo ósseo) mediante a deposição de sais de cálcio.

Osteoporose

A Osteoporose é uma osteopatia generalizada, em relação com uma insuficiente formação conjuntiva do osso.

Nos contínuos processos de reestruturação por que passa o osso normal, verifica-se a produção de substância conjuntiva, onde há a necessidade de compensar a actividade dos osteoclastos, células que têm a função de destruir as velhas estruturas ósseas. Sobre este novo tecido conjuntivo podem depois depositar-se os sais de cálcio para restabelecer a integridade óssea.

Na osteoporose, faltando a substância conjuntiva, os sais de cálcio não se podem depositar, resultando uma deficiência em substância óssea nas diversas estruturas esqueléticas; em casos extremos pode ser causa de fracturas espontâneas.

As causas da osteoporose devem procurar-se numa perturbação endócrina que altera o metabolismo proteico ou numa deficiência primitiva da absorção dos protídeos. O cortisol, por exemplo, aumenta o catabolismo das proteínas e a longo prazo causa osteoporose; pode também ser produzido em excesso na doença de Cushing ou ser ministrado na terapêutica de variadas doenças: nestes casos, costuma-se associar um tratamento com anabolizantes para compensar o seu efeito sobre a matriz conjuntiva.

Com o termo osteoporose senil, designa-se as formas ligadas ao envelhecimento progressivo do organismo, mas sobretudo à produção diminuída de hormonas sexuais, como é habitual na idade avançada (a testosterona é, com efeito, o mais clássico dos anabolizantes).

Também as dietas hipoproteicas, a avitaminose C (escorbuto), o hipertireoidismo, a diabetes mellitus, são causas possíveis de osteoporose, enquanto doenças capazes de provocar alterações metabólicas das proteínas.

Outra variedade de osteoporose é a que se encontra na vizinhança de processos inflamatórios. E, na evolução de fracturas, a osteoporose dos topos ósseos junto da solução de continuidade precede a formação da matriz conjuntiva de reparação (calo fibroso) que evolui para uma estrutura próxima da do osso (calo ósseo) mediante a deposição de sais de cálcio.

Técnico comercial

Jorge silva

Tlm:93 710 9000

 

Telefone: 256 336 104

Web Site:

www.terramena.net
Email:
terramena@iol.pt

Catalogo:

http://www.terramena.net/catalogo.pdf
Blogs:

http://terramena.blogs.sapo.pt

links úteis:

http://www.myusf.com.pt/utentes/links.aspx  

Recomende o nosso site.

 

Registe-se e receba as nossas promoções.

publicado por terramena às 22:30

link do post | comentar | favorito
|

.links